Protestos versus futebol


O espaço dado pelas emissoras às manifestações superou o da cobertura da Copa das Confederações. Uma pesquisa inédita feita pelo Controle da Concorrência, especializado na análise do mercado de TV, revela que os cinco principais canais abertos dedicaram, entre 17 e 26 de junho, 138 horas aos protestos. O futebol foi assunto por 92 horas. A Band
foi a única emissora a dedicar mais tempo à Copa — 56 horas. Já a Record, que praticamente ignorou a competição, foi a campeã de cobertura das manifestações (47 horas).

Na líder Globo, os protestos triunfaram sobre o futebol: 33 horas contra 27 horas.

Fonte: Lauro Jardim - Veja Online
Previous
Next Post »

Interaja a vontade! Logo, logo o seu comentário será liberado. EmoticonEmoticon

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...