sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Saiba como os vereadores que buscam reeleição votaram em projetos polêmicos

Posted at  10:57:00  |  in  #SintoniaFM


Teresina já registra 595 candidatos a vereadores que disputam pelo menos uma cadeira das vinte e nove vagas da Câmara Municipal de Teresina. Dos atuais 29 vereadores, vinte e sete pretendem se manter nos seus cargos.

"Quem tá dentro não sai mais quem tá fora quer entrar". É mais ou menos isso o que ocorre, mas os não pretendem sair tão cedo, se quiserem permancer, eles devem seguir acompanhar os interesses dos teresinenses.

Confira a seguir como votaram os vereadores em dois projetos recentes, que talvez foram os mais polêmicos.

CLIMATIZAÇÃO DA FROTA DE ÔNIBUS

Em outubro do ano pássado, 2015, tramitou na Câmara Municipal de Teresina um projeto de lei da vereadora Cida Santiago (PHS) que obrigava a inclusão de ar condicionados nos ônibus do transporte público em Teresina.

Com 11 votos contra e 10 favoráveis, o projeto infelizmente não foi aprovado. Os vereadores que à época votaram contra foram: Valdemir Virgino (PRP), Ananias Carvalho (PDT), Levino de Jesus (PRB), Tiago Vasconcelos (PRB), José Ferreira (PSDB), Jeová Alencar (PSDB), Luís André (PSL), Edson Melo (PSDB), Teresinha Medeiros (PSL), Ricardo Bandeira (PSL) e Celene Fernandes (PRP).


Em entrevista ao G1 Piauí, o vereador Edson Melo classificou a proposta como demagogica e também chamou a autora do projeto de demagoga (Clique aqui e saiba mais). Tiago Vasconcelos, em entrevista ao portal Cidade Verde, disse que não teria necessidade de um novo projeto, já que o da prefeitura previa a mesma coisa (Clique aqui e saiba mais).

PROJETO DE IDEOLOGIA DE GÊNERO

No ínicio do ano, outro projeto que causou polêmica e dividiu opiniões na casa do legislativo municipal foi o projeto de lei nº 20/2016. Segundo a proposta, fica proibida a “distribuição, exposição e divulgação de material didático contendo manifestações da ideologia de gênero nos estabelecimentos de ensino da rede pública municipal de Teresina”.

O Projeto de Lei é de autoria da vereadora Cida Santiago (PHS) e subscrito por mais oito vereadores, após muita confusão,  foi arquivado. Dos 29 vereadores, 24 votaram a matéria, que teve 12 votos a favor e 12 contra. O voto de minerva foi o presidente da Casa, Luiz Lobão (PMDB), escolhendo a não aprovação. 

Os vereadores que votaram contra o projeto foram Aluísio Sampaio (PP), Antônio José Lira (DEM), Carlos Filho (PRTB), Edson Melo (PSDB), Edvaldo Marques (PSB), Graça Amorim (PMB), Jeová Alencar (PSDB), José Ferreira (PSDB), Luís André (PSL), Rosário Bezerra (PT) e Valdemir Virgino (PRB).

Os que votaram a favor do projeto são: Antônio Aguiar (PP), Ananias Carvalho (PDT), Caio Bucar (PSD), Celene Fernandes (PRP), Cida Santiago (PHS), Dudu (PT), Gilberto Paixão (PT), Paulo Roberto da Iluminação (PTB), Pastor Levino (PRB), Ricardo Bandeira (PSL), Teresa Britto (PV) e Tiago Vasconcelos (PRB).

Edvan Silva (PTC), Inácio Carvalho (PP), Joninha (PSDB) e Teresinha Medeiros (PSL) não estavam presentes na votação.


Com informações do Portal Cidade Verde, 
Portal O Dia, Portal 180 Graus e G1 Piauí

0 comentários:

Interaja a vontade! Logo, logo o seu comentário será liberado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Quem Somos-Fale Conosco
Copyright © 2013 P8. Blogger Template by Bloggertheme9
Published..Blogger Templates. Powered by Blogger.
back to top