terça-feira, 7 de março de 2017



Em entrevista ao vivo, Mariano Marques afirma que perdoa o flanelinha que lhe esfaqueou


Ao som de Love’s theme (mesma música da abertura da novela ‘Celebridade’), com direito a tapete vermelho estendido e aplausos, Mariano Marques, com alguns quilos a menos, fez o seu retorno oficial a emissora de TV em que trabalha há mais de 20 anos, a TV Antena 10.

O comunicador esteve na edição desta terça-feira (07) no programa ‘Bancada Piauí’, onde contou detalhes da noite de sábado em que foi esfaqueado. O apresentador, que esteve por 32 dias internado, descreveu como foram todos esses dias e a importância da família e amigos para a sua plena recuperação.

Mariano relatou momento que o levou a ir a um bar que fica localizado na Praça do Liceu. Por volta das 18h30, o apresentador estacionou o seu carro nas proximidades do estabelecimento e se dirigiu até o local para encontrar um amigo que havia lhe feito o convite.

Momentos depois, Mariano retornou ao veículo com a intenção de pegar uma bebida. No caminho, ele foi seguido pelo flanelinha que teria ficado vigiando o seu automóvel e, então, o apresentador disse: “Eu não vou embora agora. Vou apenas pegar uma coisa no carro, na saída eu lhe pago.” A partir daí, o flanelinha teria anunciado o assalto e pedido o celular do apresentador.


Entretanto, segundo conta Mariano, seu celular teria ficado na mesa do bar. Foi aí que ele entregou joias, carteira e até a chave do veículo. “Mas, ele não queria nada disso, ele queria o meu celular. E eu não estava com o aparelho naquele momento”. Em seguida, o assaltante teria partido para cima do apresentador e começou a esfaqueá-lo. Marques declarou que travou uma verdadeira luta com o marginal para conseguir se livrar das facadas.

“Então eu dei um chute nele, derrubei-o no chão e consegui tomar a faca. Em seguida o assaltante correu para o lado do Verdão e eu voltei para o bar, já perdendo muito sangue”. Disse o apresentador em entrevista aos jornalistas do programa ‘Bancada Piauí’.

Mariano Marques contou, ainda, que se surpreendeu com o apoio de muitos amigos dos quais ele não imaginava receber tanto carinho. Falou que sua maior motivação nos dias em que esteve internado e passou pelo coma induzido e sessões de diálise e hemodiálise era o seu filho adotivo, Daniel.

“A minha fé só aumentou após esse episódio”. Disse o comunicador, afirmando também que perdoa o assaltante que lhe esfaqueou (apesar de não recordar o seu rosto) e que quer conhecer a moça que realizou os primeiros socorros ainda no bar em que estava. Finalizou dizendo que dedicará mais tempo de sua vida à caridade.


No dia 1º de abril, ele volta ao ar com o seu programa ‘Sábado Maior’ pela TV Antena 10 às 13h45. Enquanto isso, Italo Motta segue na condução da atração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Interaja a vontade! Logo, logo o seu comentário será liberado.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...