quarta-feira, 3 de maio de 2017

Band Piauí e o modelo de programação terceirizada

Posted at  22:43:00  |  in  Lupa


Com uma nova proposta de programação no Piauí, a filiada mostra sua força e traz uma programação diversificada. Nos últimos meses, foi a emissora de TV piauiense que mais trouxe novidades: Negócio de Valor (sobre empreendedorismo), Siribolo (que apesar de ser um programa que está tentando se moldar, é uma atração de entretenimento), Café com Informação (programa de entrevista com a apresentação do renomado jornalista, Arimatea Azevedo) e Momento da Misericórdia (programa religioso).

Já estão confirmados outros programas na grade da Band Piauí. Mas você sabe qual o aspecto que todos os programas citados têm em comum? Eles não estão sob a responsabilidade direta da Band Piauí. Estes programas são de inteira responsabilidade de empresas terceirizadas, as chamadas produtoras de conteúdos. Estas empresas que produzem, gravam e editam os programas cuidam diretamente do conteúdo que será apresentado e, por sua vez, exibidos na Band Piauí.

Esta forma de investimento é mais lucrativa para a emissora interessada porque é mais barato que investir muito dinheiro em cenários, equipamentos, profissionais e toda uma estrutura mínima de produção. Por isso recorrem-se à empresas ou diretamente nas produtoras de conteúdo. Por exemplo: o Portal AZ já tinha o produto Café com Informação hospedado em seu site. Logo o portal já tinha toda uma estrutura mínima de produção. A parceira, a qual não temos detalhes, beneficiou tanto o portal, que agora tem seu programa na TV aberta, como a Band Piauí, que exibe um formato que atrai publicidade para o horário.

As formas de contrato divergem, mas pode beneficiar tanto a produtora, quanto a emissora que exibe o programa. Até a TV Clube se rende a este tipo de modelo. Para quem não sabe, o Programão é, em parte, responsabilidade de uma produtora independente. A produtora participa somente com a estrutura de equipamento e de profissionais para a gravação.

Como já disse, esse modelo de programa pode ser mais viável para TV e o retorno também é melhor, já que o investimento por parte da TV não é alto. A produtora ou a empresa que adere a este tipo parceria ganha porque sua marca e todo o conteúdo está sob sua condução e tem menos interfência da emissora. E no final, o público sai ganhando. Assim a programação das TVs é mais viável e tem programas com diferentes formatos, para diferentes públicos.


Por: Luiz Henrique / Coluna Lupa

0 comentários:

Interaja a vontade! Logo, logo o seu comentário será liberado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Quem Somos-Fale Conosco
Copyright © 2013 P8. Blogger Template by Bloggertheme9
Published..Blogger Templates. Powered by Blogger.
back to top