quarta-feira, 24 de outubro de 2018



Ex-apresentador da Rede Meio Norte é destaque no UOL


No último dia 20, o ex-apresentador de quadro de fofocas da TV Meio Norte,  Erlan Bastos, ganhou destaque na página principal do UOL Entretenimento. O comunicador passou a ser conhecido pelo público piauiense a partir de sua aparição no 'Super Top', comandado por Raquel Dias.



Ex-catador de latinha e sem-teto ele conta que nasceu numa família pobre em Manaus 24 anos atrás. Aos 14 acabou pendendo para o jornalismo graças a um apresentador de Manaus que montou uma "web rádio" e chamou Erlan para fazer um programete.

Depois passou pela produção de outros programas em TVs locais, mas quase sempre trabalhando de graça. Só foi receber um dinheirinho anos depois, na produção de um programa policial.

Tudo foi caminhando bem, e ele chegou a ter um programa de fofocas num canal a cabo local. Então Erlan tentou dar o maior salto: mudar-se para São Paulo na cara e na coragem e vencer na vida.

Começou a dar tudo errado assim que pisou na rodoviária do Tietê, em 2015. 

Foi assaltado a mão armada e perdeu tudo que tinha. Sem conhecer ninguém e sem ter aonde ir, foi morar com mais uma dezena de sem-teto sob um viaduto na avenida Cruzeiro do Sul, próximo ao Terminal Tietê. Morou ali por três meses. Passou fome, sofreu agressão de policiais, ofensa de motoristas e dependeu da caridade alheia para se manter vivo.

Três meses foi o tempo que seus pais precisaram para juntar dinheiro necessário para comprar uma passagem para que ele voltasse a Manaus. Três anos depois Erlan tem um canal no YouTube com mais de 22 mil inscritos, centenas de milhares de curtidas e 16 mil seguidores no twitter. Parece pouco para o mundo digital atual, mas ele diz que isso basta para "pagar o aluguel, comprar comidinha e ajudar a família".

PASSAGEM PELA REDE MEIO NORTE

Em sua entrevista, Erlan conta que hoje eu só tem o canal no Youtube e um portal de notícias. Ele declara que estava trabalhando na Rede Meio Norte que é uma emissora independente do Nordeste --um grupo grande, inclusive--, mas que hoje não faço mais parte. 

Finaliza a pergunta sobre o que está fazendo profissionalmente revelando que possui alguns projetos pro ano que vem, mas não lista se existe chances de retornar ao canal piauiense. 


Com informações da Coluna de Ricardo Feltrin

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Interaja a vontade! Logo, logo o seu comentário será liberado.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...